GÊNERO TEXTUAL



   CONCEITO DE GÊNERO TEXTUAL

Segundo Marcuschi (2003), Gênero textual é a denominação dada àsdistintas formas de linguagem que circulam socialmente, sejam elas informais ou formais. Normalmente são associados aos estudos literários, técnicos e científicos de diferentes tipos de gêneros textuais, possuem características e contribui para comunicação no nosso dia-a-dia.

GÊNEROS TEXTUAIS DO AGRUPAMENTO DO NARRAR

A narração é um tipo de gênero literário que é dividido em:
ü          Conto maravilhoso
ü         Conto de fadas
ü         Fábula
ü         Lenda
ü         Narrativa de aventura
ü         Narrativa de ficção científica
ü         Narrativa de enigma
ü         Narrativa mítica
ü         Adivinha

De acordo com Marcuschi( 2003), a principal finalidade dos atributos dos gêneros narrativos é contar e narrar um fato, fazendo com que este fato sirva de conhecimento, diversão e aprendizado. Utilizando os gêneros narrativos, podemos iniciar com contos acumulativos, ou seja, aqueles em que tem uma repetição no refrão, que é ideal para o momento de alfabetização, com o gênero de instruir, podemos trabalhar receitas culinárias, com o gênero relatar, trabalhar com crianças menores, estimulando-as a escrever pequenas biografias.  Já para a educação básica nas séries finais, é ideal trabalhar com a leitura de romances. No ensino fundamental, podemos trabalhar textos de informação cientificas, a fim de ampliar os estudos dos gêneros textuais.

  CARACTERÍSTICAS DOS GÊNEROS DO NARRAR

1. Conto maravilhoso
Os contos maravilhosos é um texto narrativo que normalmente começa por: era uma vez, Há muito tempo atrás, e sempre acontecem em florestas, reinos, etc. Sempre apresenta um protagonistae um antagonista ( Bruxas, magos, monstros, seres mágicos, etc. ). Esses aspectos mágicos servem para chamar atenção da condição humana que é limitada, mas nem sempre tem um final feliz. 

2. Fábula

As fábulas são composições literárias em que os personagens normalmente são animais, forças da natureza ou objetos que falam, e tem o objetivo de trazer para criança um ensinamento moral. 

3. Lenda

As lendas são narrativas de ditos populares que não podem ser comprovadas cientificamente, pois são frutos da imaginação da população, que passa de geração para geração.  

4.   Narrativa de aventura

As narrativas de aventura é uma ação que tem perigo, em que o personagem passa por diversas aventuras.
ü  Narrativa de ficção científica
A narrativa de ficção cientifica, tem como característica a fantasia sobre algo possível ainda que não seja no presente.

5. Narrativa de enigma

A narrativa de enigma tem por características personagens como: Criminosos, vítimas, suspeitos e detetive. 

6. Narrativa mítica

A narrativa mítica tem por característica as criações populares que são passadas de geração a geração, além de falar sobre deuses, semideuses e heróis da antiguidade. 

7.  Adivinha

A adivinha é um gênero literário pedagógico que tem por finalidade divertir e ensinar.

CONCEITO E IMPORTÂNCIA DA LINGUAGEM CORPORAL PARA A COMUNICAÇÃO DO ALUNO

A linguagem corporal é representada por todos os gestos e posturas que faz com que a comunicação seja melhor entendida, também pode ser considerada como comunicação não verbal. A linguagem do corpo é espelho da condição emocional das pessoas, cada gesto é uma valiosa fonte de informação. O estudo da linguagem corporal é importante para que o aluno estabeleça um comportamento comunicativo entre os colegas, transmitindo informações automaticamente.

TIPOS DE ATIVIDADES PARA EXPLORAR A LINGUAGEM CORPORAL
·         Atividades com música, deixando os alunos à vontade para dançarem e cantarem (Sugestão de músicas: Imitando os animais – Xuxa, Dança dos bichos – Eliana)
·         Atividades sobre a parte do corpo humano (Conversar com alunos sobre as partes do corpo humano, indagando a eles sobre a importância das mesmas)
·         Dinâmica estamos amarrados (Amarra os alunos de dois em dois, pelo braço, deixando eles assim até o fim da aula, eles terão que fazer tudo amarrados, depois abre uma conversa sobre o que eles acharam da atividade. O professor fala da importância do observar o outro e de respeitar os limites do outro)


 A IMPORTÂNCIA ENTREA RELAÇÃO DA CONSTRUÇÃO DE TEXTOS DO GÊNERO DO NARRAR E A LINGUAGEM CORPORAL

Um dos maiores problemas que os profissionais da educação infantil enfrenta é lidar com diversidade do mundo, as crianças não são mais como antigamente, elas estão cada vez mais inquietas, e muitas vezes essa inquietude pode ser decorrente de problemas emocionais ou muitas vezes por desafetos que interferem diretamente em sua aprendizagem e relações interpessoais. Neste sentido, a linguagem corporal serve como um elo para minimizar os problemas com a aprendizagem e relações interpessoais.
É evidente que os relacionamentos com o outro são estreitamente ligados à atividade motora e sensoriomotora da criança. Como esta atividade permite-lhe reconhecer o mundo das coisas, permite-lhe, da mesma forma, reconhecer o mundo dos outros, diferenciar-se dele, e progressivamente adaptar-se e integrar-se a ele. (VAYER, 1984)

A criança aprende melhor e mais rápido quando interage com tudo a sua volta, e trabalhar os gêneros do narrar e a linguagem corporal é importante para estimular a imaginação e a criatividade da criança. Neste sentido, o agrupamento dos gêneros do narrar visam às relações interpessoais e o aprimoramento da leitura e escrita.
A escola é tomada como autêntico lugar de comunicação e as situações escolares como ocasiões de produção/recepção de textos. Os alunos encontram- se, assim, em múltiplas situações em que a escrita se torna possível, em que ela é mesmonecessária. Mais ainda: o funcionamento da escola pode ser transformado de tal maneira que as ocasiões de produção de textos se multiplicam: na classe, entre alunos; entre classes de uma mesma escola; entre escolas. Isto produz, forçosamente, gêneros novos, uma forma toda nova de comunicação que produz as formas lingüísticas que a possibilitam. (SCHNEUWLY, 2004)

Trabalhar os gêneros do narrar e a linguagem corporal é fundamental para interação em sala de aula. A interação é um importante meio de comunicação entre as pessoas e possibilita a manifestação dos pensamentos sore o mundo.
A linguagem corporal por sua vez , possibilita as crianças expressarem o que sentem e pensam, podendo se comunicar e se expressar de varias formas. Através da linguagem corporal as crianças passam a descobrir as coisas e o mundo a sua volta e consequentemente estimula sua percepção a respeito das coisas.
É papel do professor deve apresentar e trabalhar com os alunos os tipos e os gêneros textuais que fazem parte do cotidiano. É fundamental que os estudantes compreendam que texto não são somente aquelas composições escritas tradicionais com a qual se trabalha na escola – descrição, narração e dissertação – mas sim que o texto é produzido diariamente em todos os momentos em que nos comunicamos, tanto na forma escrita como na oral. ( CALDAS, 2005)



REFERÊNCIAS

CALDAS, L. K; PEREIRA, L.F. Jornal escolar na perspectiva da mediação dialética: uma proposta interdisciplinar. Mosaico. São José do Rio Preto, vol.4 2005.
MARCUSCHI, Luiz A. Gêneros textuais: definição e funcionalidade.In: DIONÍSIO, Ângela P.; MACHADO, Anna R.; BEZERRA, Maria A. (Orgs.). Gêneros textuais & ensino. Rio de Janeiro: Lucerna, 2002.
MARCUSCHI, Luiz Antônio. A questão do suporte dos gêneros textuais. In: Fala e Escrita: Características e Usos. NELFE (Núcleo de Estudos Lingüísticos da Fala e Escrita), Depto. de Letras da UFPE, CNPq – 2003 (Versão provisória de18/05/2003).
SHNEUWLY, Bernard; DOLZ, Joaquim e colaboradores. Tradução e organização: Roxane Rojo e Glaís Sales Cordeiro. Gêneros orais e escritos na escola. Campinas: Mercado das Letras, 2004.
VAYER, Pierre. O diálogo corporal. A ação educativa para a criança de 2 a 5 anos. São Paulo: Manole, 1984.


|

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • Twitter
  • RSS

0 Response to " GÊNERO TEXTUAL"

Postar um comentário